Autor: Thamyres Ferreira

Aplicando para o Sponsor Licence, o visto de trabalho

Infelizmente, muitos candidatos não prestam devida atenção para a documentação apresentada e desconsideram alguns procedimentos e regras exigidas durante processo de aplicação para qualquer tipo de visto. No entanto, isso pode ser um ponto definitivo em uma decisão oficial e foi isso que aconteceu com nosso cliente.

A LondonHelp4U tem como cliente uma empresa ativa e constituída em Londres que gostaria de empregar um trabalhador estrangeiro, de um país fora da Área Econômica Europeia – EEA. A razão da preferência pelo profissional é que o candidato estrangeiro possuía habilidades e conhecimentos específicos necessários para o lançamento de um novo projeto da empresa. De acordo com a lei de imigração britânica, para empregar um trabalhador estrangeiro a empresa precisa ter o Sponsor Licence, uma regra obrigatória que permitirá o patrocínio do visto de trabalho Tier 2.

Seguindo esta regra, nosso cliente solicitou o Sponsor Lincence, primeiramente por conta própria e sem assistência legal. O pedido foi rejeitado pois nem toda a documentação necessária foi fornecida e o formato do pedido não estava de acordo com as normas exigidas.

Nosso cliente lançou uma start-up para desenvolvimento de medicamentos e não estava pronto para abrir mão desta oportunidade tão facilmente. O novo pedido foi feito com a assistência da LondonHelp4U que conduziu e corrigiu todas as questões levantadas na carta de rejeição.

Assim, a LH4U conseguiu uma decisão positiva para o negócio.

Temos o prazer de anunciar que agora nosso cliente pode desenvolver seus projetos recém-lançados com a ajuda de trabalhadores estrangeiros propriamente capazes. Acreditamos que não apenas a sociedade britânica, mas o resto do mundo se beneficiará disso, o que seria impossível sem as pessoas certas a bordo.

A LondonHelp4U oferece um serviço completo de imigração para quem deseja aplicar para o visto Tier 2. Este serviço inclui todos os conselhos e trabalhos. Nossa equipe especialista gerenciará cada detalhe do seu visto para garantir que sua aplicação tenha grandes chances de sucesso.

Minuto Legal: Nigel Farage lançou novo Partido Brexit; A UE está preparada por um Brexit sem acordo e mais

Nigel Farage lança seu novo Partido Brexit

O ex-líder do UKIP Nigel Farage lançou seu novo partido Brexit, dizendo que quer uma “revolução democrática” na política do Reino Unido. O lançamento acontece depois que a primeira-ministra Theresa May concordou em adiar o prazo do Brexit para 31 de outubro com a UE, com a opção de sair mais cedo caso seu acordo de retirada seja aprovado pelo Parlamento. As informações são da BBC.

A União Europeia está preparada por um Brexit sem acordo

A UE “não tem nada a ganhar” com os transtornos que um Brexit sem acordo traria ao Reino Unido, disse o presidente da Comissão Européia, Jean-Claude Juncker. Juncker disse que a UE adotou as medidas de contingência necessárias e que o bloco está preparado por um Brexit sem acordo. As informações são de ITV.

Brexit não impactará apenas as grandes economias

Fórum Econômico Mundial ressalta que o Brexit não impactará apenas as grandes economias, mas também os países menores com um nível relativamente maior de exportações para o mercado do Reino Unido. As informações são do WEF.

Após falha técnica, Reino Unido suspende aplicações de visto para cidadãos americanos

Reino Unido suspende aplicações de visto de trabalho, estudo e residência para cidadãos americanos após ‘falha técnica’, segundo Home Office. Americanos não puderam acessar os centros de aplicação, que tiram as impressões digitais e fotografias necessárias. As informações são do The Guardian.

8 lugares imperdíveis para visitar no País de Gales

De cidades medievais a uma lagoa azul: o País de Gales é cheio de surpresas. Confira esta lista de 8 lugares que você não pode perder

Não tão conhecido como a Escócia ou a Inglaterra, o País de Gales também faz parte do Reino Unido. Mesmo que você não ouça muito sobre lá, o país é repleto de paisagens bonitas e uma história riquíssima.

O País de Gales preserva não só sua história, como sua natureza. Você sabia que o segundo melhor passeio do mundo para se fazer fica em Gales? Pois é, a trilha de Pembrokeshire Coastal Path ganhou recentemente este título. Inspire-se e reserve uns dias para visitar esses lugares que são de tirar o fôlego.

1 – Snowdonia National Park

Este parque nacional possui uma das paisagens mais bonitas de todo Reino Unido. O lugar é composto por várias montanhas e a mais alta dela se chama Snowdon (por isso o nome do parque). No cume dela tem até um Café para comer enquanto admira a vista.

No parque ainda tem dois vilarejos cheio de construções típicas galesas, o Betws-y-Coed e o Beddgelert, e muitos castelos! Os mais famosos são os construídos pelo rei Edward I: Caernarfon, Conwy e Harlech. Em Harlech, inclusive, existe uma das praias mais bonitas do Reino Unido. A melhor época para ir é no verão, para aumentar as chances de pegar um céu claro e que possibilite ver o mar com as montanhas de Snowdonia atrás.

 

 

 

2 – Cardiff

Nós da London Help 4 You fizemos uma superlista de coisas para se fazer em Cardiff. Viemos novamente recomendar a capital galesa! Sabia que Cardiff é famosa por seus fliperamas? Os mais famosos são Castle Arcade, o Morgan Arcade e o Royal Arcade. Mas a cidade tem muitas áreas verdes, centro comerciais, igrejas e até um incrível castelo bem no centro da cidade.

3 – Biblioteca de Gladstone

O País de Gales tem uma tradição literária muito forte. O maior destaque é a Biblioteca de Gladstone, um lindo prédio vitoriano localizado na cidade de Hawarden. Ela abriga 250 mil itens impressos e foi inaugurada em 1894 por Willian Gladstone, que queria compartilhar seu acervo pessoal de livros. Na época, o desejo de Gladstone era que pessoas que não tinham condições financeira também tivessem acesso aos livros.

Visitar a biblioteca já seria bom o suficiente, mas permanecer nela é uma experiência única. São 26 quartos disponíveis para acomodação!

O lugar ainda conta com um programa de residência para escritores, instalações para conferência, é oferecida anualmente uma feira de livro e conta com um curso regular de literatura e linguística.

“Livros são uma sociedade maravilhosa. Se você entrar numa sala cheia de livros, mesmo sem tirá-los de suas prateleiras, eles parecem falar, para recebê-los”- William Gladstone.

4 – Parque Nacional da Costa de Pembrokeshire

Este é o único parque nacional no Reino Unido completamente litorâneo. A trilha foi eleita recentemente como o segundo melhor passeio para se fazer no mundo. E não é à toa. A caminhada é toda em cima de falésias que ficam viradas para lindas praias com a vista para o Mar da Irlanda.

Pode ser que você aviste golfinhos, baleias, focas e botos no mar, e para os amantes de aves, lindos pássaros podem ser observados.

No total são 186 milhas (299 km) de trilha, mas fique tranquilo, há algumas opções de hospedagens ao longo do caminho e muito trechos podem ser feitos de carro.

5 – Lagoa Azul Abereidy

Em Pembrokeshire tem a linda Lagoa Azul Abereidy. A água é azul turquesa e ela é rodeada de falésias. Vê-la do alto é emocionante. Mas também é possível acessá-la da praia de Abereidy. Os mais aventureiros saltam das falésias até cair na lagoa, que não parece, mas é bem profunda.

6 – Porto de Tenby

O porto fica numa praia em formato de curva e é rodeado de casas com arquitetura georgiana todas pintadas em tons pasteis. No porto tem muitos barcos que fazem desde pesca até passeios. Um dos passeios oferecidos é até St Margaret’s Island, uma ilha desabitada repleta de natureza e aves.

7 – Llandudno

Um ótimo lugar para se visitar durante o verão é a cidade de Llandudno, também no litoral do País de Gales. Assim como a maioria das cidades costeiras da Grã-Bretanha, a cidade possui um píer com muitos restaurantes e uma ótima opção de vista da cidade, que possui construções típicas com inacreditáveis montanhas atrás. Llandudno também oferece passeio de teleférico entre as montanhas e onde você pode desfrutar da excelente vista panorâmica da baía da cidade.

8 – Escalada Pen y Fan

A uma hora de Cardiff fica localizada a montanha Pen y Fan, que integra o Parque Nacional Brecon Beacons. Para chegar ao cume e apreciar a beleza do parque não é fácil. No inverno, você vai precisar de equipamentos de escalada devido a neve. A subida é bem íngreme!

Por Natalia Fernandes

 

Minuto Legal: Reino Unido permanecerá como estado-membro da União Europeia até 31 de outubro

Reino Unido permanecerá como estado-membro da União Europeia até 31 de outubro

Decisão foi tomada no encontro dos líderes da União Europeia, com a opção de o Reino Unido sair mais cedo do bloco se a Primeira Ministra Theresa May garantir o apoio do Parlamento ao acordo Brexit. As informações são do The Guardian.

O governo começou a distribuir passaportes britânicos que não trazem as palavras “União Europeia”

A palavras estavam faltando nos passaportes emitidos esta semana já que o governo havia se preparado para o Brexit inicialmente em 29 de março. O Home Office disse que alguns passaportes com as palavras União Européia ainda seriam emitidos enquanto o estoque restante estivesse esgotado e que membros do público não poderiam escolher entre os dois. As informações são do Independent.

Home Office rejeita mais de 70% dos pedidos de isenção de taxas para pedidos de imigração

Mais de 70% dos pedidos de isenção de taxa de imigração e nacionalidade do Reino Unido, feitos por pessoas que dizem enfrantar dificuldade financeira, são rejeitados. Advogados e ativistas dizem que os “números chocantes” são indicativos de uma cultura de descrença dentro do Home Office e da complexidade do processo de inscrição. As informações são do The Guardian.

Carteira de identidade é uma possibilidade após Brexit, diz ministro da imigração do Reino Unido

Os ministros poderiam potencialmente considerar algum tipo de sistema de carteiras de identidade pós-Brexit para o Reino Unido, disse o ministro da Imigração, e acrescenta que isso seria uma resposta à enorme complexidade das regras de residência assim que o livre movimento terminar. As informações são do The Guardian.

 

8 lugares “escondidos” no centro de Londres

Listamos lugares secretos da capital inglesa que você vai amar conhecer.

Como dizem os livros e até as estampas de camisetas: Londres é sempre uma boa ideia. Conhecer essa grande capital europeia é o sonho de (quase) todo mundo. Mas Londres não se limita apenas aos pontos turísticos mais famosos. Muitas vezes os lugares “escondidos” são joias raras da cidade.

Nós não duvidamos nada que até quem mora em Londres há muitos anos vai se surpreender em ver lugares incríveis que nunca tinha visto antes. Fugir, nem que seja por um dia, das multidões é o desejo até dos turistas mais empolgados com a cidade. Conheça os lugares na área central de Londres que a maioria das pessoas não conhecem.

1 – Temple District, Londres EC4Y 7BB

Passagens, jardins, becos secretos e uma igreja compõe o Temple District. Esse ponto de fuga dos pedestres fica bem no coração de Londres, numa rua paralela ao Rio Tâmisa. A história desse pátio isolado tem ligação com os Cavaleiros Templários e as construções data centenas de anos. Tirar duas horinhas do seu dia para se perder nesses becos é uma ótima ideia.

2 – St Dunstan-in-the-East, Colina de Dunstan, Londres EC3R 5DD

Perto dali, outra igreja escondida dentro de becos passa despercebida de todos. Porém, está foi dizimada durante a Segunda Guerra Mundial e tudo que restou foi sua bela torre, que serve para orações até hoje. A igreja foi projetada pelo Christopher Wren, mesmo homem que projetou a St Paul’s Cathedral.

Um local tranquilo que poucos conhecem e que conta com um jardim para reflexão, contemplação ou descanso dos que passam por lá.

3 – Mercado de Leadenhall, Gracechurch St, Londres EC3V 1LT

A arquitetura vitoriana do Mercado de Leadenhall é surpreendentemente bonita. Os tons e as formas do interior do mercado fazem qualquer um suspirar. Ele foi construído no século XIV e é um dos mercados mais antigos da cidade.

Quer uma dica? É legal ir quando as lojas ainda estão fechadas para ter lindas fotos e, se desejar fazer compras, espera elas abrirem que daí não terão tantas pessoas por lá logo cedo.

Curiosidade: o local serviu de cenário no primeiro filme de Harry Potter!

4 – Sir John Soane Museum, 13 Lincoln’s Inn Fields, Londres WC2A 3BP

Não tão famoso como o British Museum, o National Gallery ou até mesmo o Sherlock Holmes Museum, o Sir John Soane Museum não está incluso na maioria dos roteiros de museus londrinos. O museu de arte e história clássica fica num prédio pequeno, mas não se engane, tem muita coisa lá dentro! Ele foi todo feito por Sir John Soane (ele quem projetou a frente do bank of England). A entrada é gratuita e é proibido entrar com celulares no local para evitar distrações.

5 – A menor Delegacia de Polícia do Reino Unido, Trafalgar Square, Londres WC2N 5DN

A menor Delegacia de Polícia do Reino Unido (se não do mundo) está localizada onde menos se espera: na Trafalgar Square! O local é literalmente uma cabine disfarçada de poste. Este com certeza é um lugar secreto de Londres que você precisa descobrir. Esperamos que não, mas se um dia você precisar da Scotland Yard, por que não fazer contato na mais curiosa delegacia do Reino Unido?

6 – St Bartholomew’s the Great, Cloth Fair, London EC1A 7JQ

O centro de Londres realmente é um lugar a ser desbravado. A igreja de St Bartholomew’s the Great é uma das mais antigas da região (fundada em 1123), mas não é tão famosa como a St Paul’s Cathedral ou a Westminster Abbey. Os vitrais e esculturas da igreja são belíssimos. Aprecie-a por fora e por dentro.

7 – ‘Roman’ Bath House ao lado da Strand, 5 Strand Ln, Londres WC2R 1AP

Este lugar é uma peça peculiar da história da Inglaterra. Apesar da placa em frente ao prédio indicar que este era um local onde os romanos tomavam banho, estudos dizem que isto provavelmente é falso e alguém há muitos séculos apenas forjou a mentira para atrair clientes. Que tal uma visita para tirar suas próprias conclusões?

8 – Casa do Dr. Johnson, 17 Gough Square, Londres EC4A 3DE

 

Lembra do item 1 da nossa lista? Pois é, nos becos do Temple Distrcit você encontra a casa do escritor Dr. Samuel Johnson (1709-1784), um dos mais famosos escritores ingleses e autor de um dos primeiros dicionários da língua inglesa. É possível visitar a casa por dentro e ver como Johnson vivia há centenas de anos. O ingresso é 4,50 libras para adultos e 1,50 libras para crianças.

Curiosidade: uma das frases mais famosas do mundo foi proferida pelo Dr Samuel Johnson. “Senhor, quando um homem está cansado de Londres, ele está cansado da vida, porque há em Londres tudo o que a vida pode oferecer.” Inspire-se.

Por Natalia Fernandes