MINUTO LEGAL: as notícias sobre imigração em UK dos últimos dias

Racismo e crimes de ódio relacionados à raça aumentaram desde o referendo Brexit de 2016, com oficiais designados para lidar com as “tensões”. 24 oficiais de coesão da comunidade estão sendo nomeados por conselhos em todo país de Gales. O foco, em particular, são os cidadãos da União Europeia e outros grupos minoritários que se possam sentir suscetíveis às tensões do Brexit. As informações são de BBC.

Dois jovens músicos cegos, que deveriam chegar ao Reino Unido no sábado, para participar de um intercâmbio cultural de duas semanas estabelecido pelo governo, foram impedidos pelo Home Office de entrar no país. As informações são de iNews.

Uma bebê cujo responsável legal é residente no Reino Unido foi impedida de entrar no país, deixando ela e sua futura mãe adotiva “abandonadas” no Paquistão. As informações são de Independent.

Mãe negada chance de limpar seu nome de acusação que vai ver toda a família deportada de volta ao marido ela teme. “Minha vida parou quando recebi a carta”, descrevendo o momento em que foi acusada pelo Home Office de fraudar um teste de inglês que ela completou três anos antes. As informações são de Independent.

Uma petição para impedir a deportação de um estudante “excepcional” e “marcante” atraiu mais de 6.000 assinaturas. Stiven Bregu, 18 anos, foi traficado da Albânia para o Reino Unido em 2015, para escapar de violência doméstica e foi despejado sozinho em Keynsham, perto de Bristol. As informações são de BBC.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *