Prefeito de Londres sugere novo referendo sobre o Brexit

O prefeito de Londres, Sadiq Khan, sugeriu que o Partido Trabalhista apóie um segundo referendo sobre a saída do Reino Unido da União Européia. A declaração foi feita durante uma entrevista para o jornal “The Evening Standard”.

Khan sugeriu que ele pressionaria por uma nova votação nacional  para ser incluída no manifesto das próximas eleições. “Até agora, não fui persuadido de como este governo tem um plano que funciona para o nosso país”, declarou o prefeito para o jornal.

Kezia Dugdale, ex-líder do Partido Trabalhista da Escócia, também disse que o público tinha o direito de ter sua opinião em um segundo referendo. “Ninguém votou para ser mais pobre, mas é o que todos nós vamos ser.  O Brexit está fora de controle e fora dos interesses das pessoas que trabalham. É por isso que nós devemos retomar o controle com uma votação final sobre o acordo”, declarou Kezia.

Enquanto isso, Andrew Gwynne, chefe de eleição do Partido Trabalhista e um aliado Jeremy Corbyn, não negou uma possível  nova votação, dizendo: “Quem sabe onde estaremos no final deste processo?” Ele disse que o Partido Trabalhista teria uma “grande discussão” sobre o tema caso o atual governo não chegue em um acordo com a Europa.

O prefeito de Londres, reiteirou que era possível que o próximo manifesto do Partido Trabalhista oferecesse aos eleitores a chance de reverter o veredicto do referendo do Brexit.

Na segunda-feira, uma pesquisa revelou que uma grande maioria dos eleitores do Partido Trabalhista apoia um novo referendo, com uma opção para o Reino Unido permanecer na União Europeia.

* foto The Evening Standard

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *