Tag: Remove term: golden visa golden visa

Golden Visa: guarantee residence in Portugal through investments in the country

Golden Visa: guarantee residence in Portugal through investments in the country

Created by the Portuguese government to boost the economic growth and attract more investments to Portugal, the Golden Visa is a great opportunity for those who want to reside or do business in the European Union.

Through investments in Portugal is possible to apply for the gold visa that allows the holder to settle for 5 years in the country.

You can apply to Golden Visa making a personal investment or through a company in Portugal. The investments you can make to qualify for the visa are:

– € 500,000 in properties

– € 350,000 in properties with more than 30 years of construction or located in urban rehabilitation area

– € 500,000 in investment funds for small and medium-sized enterprises

– Set up a business employing at least ten employees

– € 350,000 in scientific research

– € 250,000 in artistic production and preservation or conservation of cultural heritage

– € 1 million in the financial market

The investment chosen must be maintained for a minimum period of five years from the date of granting the visa. The Golden Visa is granted on a temporary basis and can be renewed as long as the necessary requirements are maintained.

After five years with the temporary visa, it is possible to apply for a permanent visa. And after 6 years of residence in Portugal, the holder of the Golden Visa can apply for naturalization and become a Portuguese citizen.

LondonHelp4U offers all the assistance you need to get your Golden Visa. We have 16 years of experience in visas and citizenships for the UK and Europe. Contact us and make an appointment for more information. Call 020 7636 8500 or send an email to info@lodonhelp4u.co.uk.

Golden Visa pode ser a porta de entrada para a Europa

Golden Visa pode ser a porta de entrada para a Europa

Criado pelo governo português para reforçar o ritmo de crescimento econômico e atrair mais investimentos para o país, o Golden Visa pode ser uma opção para quem deseja residir ou fazer negócios na União Européia.

A lógica é simples: investe-se em Portugal e e, em troca, é cedido o visto de ouro que permite ao portador se estabelecer em qualquer um dos 26 países do Espaço Schengen* dentro do continente europeu.

Pode requerer ao Golden Visa qualquer cidadão de outro país que faça um investimento pessoal ou através de uma sociedade em terras portuguesas. No momento as opções de investimento são:

– € 500 mil na compra de imóveis

– € 350 mil na compra de imóvel com mais de 30 anos de construção ou localizado em área de reabilitação urbana

– € 500 mil em fundos de investimentos destinados à capitalização de pequenas e médias empresas

– Abrir um negócio que empregue pelo menos dez funcionários

– € 350 mil em pesquisa científica

– € 250 mil em produção artística e preservação ou conservação do patrimônio cultural

–  € 1 milhão no mercado financeiro

O investimento escolhido deve ser mantido por um período mínimo de cinco anos contados a partir da data de concessão  do visto. O governo português pode exigir a qualquer momento durante o período a  comprovação dos investimentos no país.

O Golden Visa, no entato, não é permanente e não dá direito à Cidadania Portuguesa, e por consequência, européia.  O visto é concedido de forma temporária e pode ser renovado desde que se mantenham os requisitos necessários.

Após cinco anos com o visto temporário, é possível solicitar o visto permanente. E após 6 anos de residência em Portugal, o portador do Golden Visa pode entrar com o pedido de naturalização e tornar-se um cidadão europeu.

A LondonHelp4U, com 15 anos de experiência em processos de imigração, oferece toda a assistência na obtenção do Golden Visa para os cidadãos que queiram viver e investir em Portugal. Entre em contato conosco e agende uma visita.

*Espaço Schengen: Alemanha, Áustria, Bélgica, Dinamarca, Eslováquia, Eslovénia, Espanha, Estônia, Finlândia, França, Grécia, Hungria, Holanda, Islândia, Itália, Letônia, Lituânia, Luxemburgo, Malta, Noruega, Polônia, Portugal, República Tcheca, Suécia e Suiça.