Já pensou em visitar túmulos? Para quem gosta de aprender, os cemitérios são passeios essenciais em Londres

Aposto que quando você viaja, o último lugar que quer visitar é o cemitério, certo? Mas em Londres, até conhecer lugares deste tipo são passeios culturais! Isso porque os cemitérios londrinos são repletos de histórias, fatos e lendas. Visitar túmulos de pessoas famosas e personagens essenciais na história da humanidade é uma baita experiência!  Sem contar que os cenários, quase sempre próximos de florestas, são muito bonitos.

Nós fizemos uma lista de 5 motivos para você conhecer os cemitérios de capital inglesa quando estiver por lá. Acompanhe:

1) A história de como surgiram os cemitérios é incrível!

Até o século XIX, as pessoas na Inglaterra eram enterradas nas igrejas e paróquias. Mas, em meados de 1800 o número de habitantes em Londres dobrou, o que fez com que corpos fossem jogados em diversos lugares incomuns, como esgotos.

Para solucionar o problema, entre 1832 e 1841 foram construídos “os sete magníficos”: sete lugares descampados espalhados pela cidade com o objetivo exclusivo de enterrar pessoas. São eles: Kensal Green, West Norwood, Highgate, Abney Park, Nunhead, Bromptom e Tower Hamlets.

2) Tem arte nos cemitérios

Esculturas exuberantes de diversos escultores – inclusive Patrick Caulfield – podem ser encontradas em cima dos túmulos. Mas não só isso. Muitos artistas vão aos cemitérios para tocar piano, violão e até desenhar os cenários que são muito bonitos. Não faltam vida e arte nos cemitérios londrinos!

3) Ver túmulos de famosos

Sigmund Freud, Peter Sellers, Karl Marx. Todos estes e muitos outros túmulos de personagens famosos na história podem ser encontrados nos cemitérios de Londres. O de Karl Marx, em especial, é cobrado uma taxa de 4 libras para ver o túmulo do sociólogo. Nas igrejas também estão enterrados personagens ilustres da história. Na Abadia de Westminster, por exemplo, jaz Isaac Newton e Charles Darwin.

4) Ler curiosidades nas lápides

Nas lápides, além do nome do falecido, você também pode encontrar informações e curiosidades sobre o passado. É possível se informar sobre mortalidade infantil, as epidemias, guerras e eventos na capital inglesa que causaram mortes em massa.

5) Os ingleses têm uma relação diferente com a morte, comparado aos brasileiros

Principalmente no Reino Unido, a morte é vista de forma diferente. Os ingleses costumam ser mais “frios”. Isso possivelmente por causa de um passado de epidemias e guerras, onde as pessoas morriam muito novas. Pra você ter uma ideia, antigamente, os funerais serviam bebidas alcoólicas para “comemorar” a morte. Hoje, diferente do Brasil, os ingleses não têm medo dos cemitérios, muito pelo contrário. É quase como um parque: eles visitam, contemplam, praticam esportes, leem livros…

Por Natalia Fernandes

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *