O Home Office deve suspender as checagens de imigração em milhares de contas bancárias após o escândalo Windrush. O departamento está no processo de entrar em contato com bancos e instituições de crédito para instruí-los a reduzir a examinação, que foram introduzidos como parte dos planos da Theresa May de criar um “ambiente hostil” para os imigrantes ilegais.

Os bancos têm sido obrigados desde janeiro a realizar verificações trimestrais de 70 milhões de contas correntes no Reino Unido – se uma conta for suspeita de ser usada por um imigrante ilegal, o Home Office a analisa antes de instruir o banco a tomar medidas, incluindo a desativação. A imigração não publicou dados sobre o número de contas bancárias já fechadas sob as medidas, nem o número de outras ações tomadas. As informações são do The Guardian.

Sadiq Khan: taxas de cidadania do Reino Unido deixam as crianças no limbo

Crianças e adolescentes nascidos na Grã-Bretanha estão sendo deixados no limbo sem acesso a educação ou emprego por causa de honorários do governo para ganhar a cidadania, disse Sadiq Khan ao jornal The Guardian. Segundo o prefeito de Londres, as taxas que os jovens são forçados a pagar são inaceitavelmente altos, uma vez que a maioria viveu a maior parte ou toda a vida no Reino Unido, mas não possuí oficialmente a cidadania britânica.

1.600 trabalhadores de TI e engenheiros tiveram os vistos negados no Reino Unido

Mais de 1.600 especialistas em TI e foram negados vistos no Reino Unido entre dezembro e março, segundo a BBC News. Eles foram negados porque o número aplicado excedia o limite mensal permitido para entrar no país. Os críticos argumentam que a política de imigração dificultará os esforços do governo para desenvolver uma economia de alta tecnologia.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *