Category: Dicas de imigração

house-1407562_640

A nova lei que obriga landlords a checar o status do imigrante entrou em vigor, saiba como você será afetado

A partir de 1º de fevereiro, os proprietários ou locadores de imóveis que alugam propriedades no Reino Unido terão que verificar os documentos de potenciais inquilinos para garantir que os mesmos têm o direito de viver legalmente no país.  O governo tem como objetivo “criar um ambiente hostil para imigrantes ilegais”.

Continue reading “A nova lei que obriga landlords a checar o status do imigrante entrou em vigor, saiba como você será afetado”

Seguro-saúde para europeus

Um dos maiores benefícios de ser europeu é ter o direito de viajar pelos países da União Européia de forma segura, prática e sem vistos e nem do passaporte, você pode utilizar a carteira de motorista, por exemplo.

Porém, o que muitos esquecem, é o seguro-viagem. Para europeus a melhor alternativa é tirar, gratuitamente, o EHIC (European Health Insurance Card). Esse documento garante o acesso a tratamentos urgentes por um valor menor ou, na grande maioria das vezes, totalmente gratuito. No entanto, vale lembrar: o cartão não cobre tratamento na rede privada. Além disso, ele não dá o direito de viajar com o intuito de receber tratamento para uma já existente doença na rede pública de outro país.

Por exemplo, se você mora em Portugal e quer vir para a Inglaterra com para fazer algum tratamento, as chances são que o NHS irá recusar o tratamento. Você precisa estar turistando em outro país e sofrer um acidente e/ou alguma doença transmissível para poder receber o tratamento gratuito.

O cartão de saúde europeu é gratuito e para solicitá-lo basta um comprovante de residência na Inglaterra. Este cartão também pode ser utilizado por familiares não europeus (se os mesmos possuem o visto EEA Family permit, ou qualquer outro visto de família).

Vale lembrar que o EHIC não substitui o seguro viagem. Ele não cobre cuidados médicos privados ou custos com medicamento, como acidentes de esqui (no qual precisam resgatá-lo de helicóptero), retorno emergencial para a Inglaterra, perda e/ou roubo. Também não é válido em cruzeiros.

Também é preciso lembrar que, caso seja necessário pagar pela consulta, os valores diferem de país para país. Na Espanha, a consulta médica não é cobrada, enquanto na França você pagaria apenas 30% do valor habitual. Em Portugal, tanto consulta quanto atendimento hospitalar não tem custo, enquanto na Bélgica, a diária hospitalar custa 15 euros.

 

A LondonHelp4U é uma agência de imigração com 15 anos de experiência em processos de vistos para o Reino Unido. Nossa missão é proporcionar, cada dia mais,  acesso ao Reino Unido para imigrantes brasileiros.

Quer falar com a gente? Nos contate por telefone +55 11 3283 0906 (Brasil) ou +44 0207 636 8500 (Reino Unido) ou por e-mail info@londonhelp4u.co.uk

Tire suas dúvidas, marque uma consulta, torne processos burocráticos fáceis e rápidos com a ajuda da #LH4U.

Para mais dicas e informações sobre imigração e a Inglaterra, acompanhe nossas redes sociais.

O que é, e como funciona o “Returning Resident Visa”

Returning Resident visa é um tipo de visto para imigrantes que saíram do Reino Unido por um período maior que dois anos e pretendem voltar para morar e trabalhar na terra da rainha.

De forma clara vamos explicar: requerimentos , quando e quanto tempo demora, quem pode aplicar para este tipo de visto, e quem não pode.

1) Quem pode aplicar ?

Gato, Gato Preto, Poder, Mieze, Preto, Animal

A) Você já morou legalmente no país

B) Você saiu do país à mais de dois anos, e pretende voltar para morar “para sempre” na Inglaterra

C) Você perdeu sua documentação

2) Quando aplicar, e quanto tempo demora ?

Relógio, Tempo, Hora, Minutos, Relógios, Calendário

Aplicar com no mínimo, 6 meses de antecedência. Demora entre 2 meses à 4 meses. 

3) Requerimentos

Imposto, Formulários, Renda, Negócios, Papelada

A) Passaporte atualizado, ou documentação comprovando sua identidade

B) Passaporte antigo e/ou utilizado durante sua estadia ou aplicação de visto na Inglaterra

C) Fotografia tamanho passaporte (3,5 x 4,5 cm)

D) Documentação comprovando que morou na Inglaterra

4) Quem NÃO pode aplicar para este visto

Confundido, Atrapalhados, Ilógico, Desorientado

A) Se você está fora do país por mais de 2 anos, e o motivo não foi emergencial, você não é elegível para este tipo de visto

E/OU

B) Se você não possuí nenhum vínculo familiar na Inglaterra

E/OU

C) Se você não viveu a maior parte da sua vida no Reino Unido

E/OU

D) Se você pediu auxílio do governo, e logo depois deixou a Inglaterra

E/OU

E) Você não possuía o visto “Settle in UK” enquanto vivia na Inglaterra

 

Dica: Se você possui dependentes, cada indivíduo precisa aplicar separadamente para este tipo de visto. As aplicações serão analisadas separadamente, e uma não influencia na outra.

A LondonHelp4U é uma agência de imigração com 15 anos de experiência em processos de vistos para o Reino Unido. Nossa missão é proporcionar, cada dia mais,  acesso ao Reino Unido para imigrantes brasileiros.

Quer falar com a gente? Nos contate por telefone +55 11 3283 0906 (Brasil) ou +44 0207 636 8500 (Reino Unido) ou por e-mail info@londonhelp4u.co.uk

Tire suas dúvidas, marque uma consulta, torne processos burocráticos fáceis e rápidos com a ajuda da #LH4U.

Para mais dicas e informações sobre imigração e a Inglaterra, acompanhe nossas redes sociais.

 

Visto de família para filhos adotivos e dependentes

Se você é cidadão de algum país da União Européia ou está casada/noiva de um, seus familiares podem ter os mesmos direito que você, mesmo que eles não possuam nenhum vínculo direto com um europeu. Ou seja, familiares brasileiros, filhos adotivos, pai, mãe e até sobrinho podem vir para a Inglaterra como seu dependente.

Para simplificar separamos por tópicos:

Filhos Adotivos/Adoção

O que é: Filhos adotivos possuem os mesmos direitos de um filho “de sangue”. O adotado adquire os mesmos direitos e obrigações de qualquer filho: nome, parentesco, alimentos e filiação.

Requerimentos: É preciso demonstrar que a criança é dependente emocionalmente e financeiramente do casal. Para isso basta procurar documentação que comprove que o casal sustententa a criança. Por exemplo, comprovantes de pagamento escolar, comprovante de adoção, imposto de renda.

Dica: Mesmo se o filho for adotado por apenas um do casal, é preciso comprovar que o parceiro também ajudará, tanto financeiramente quanto moralmente na criação do dependente.

Guarda

O que é: A diferença entre guarda e adoção é que os pais da criança ainda possuem direitos, tanto moral quanto financeiramente, sobre a criança/adolescente. O guardião pode trazer a criança para a Inglaterra como dependente

Requerimentos: Os requerimentos são os mesmos, porém o que difere aqui é a autorização dos pais, e também é necessário comprovar que a criança já dependia do guardião, antes de sair do Brasil. Ou seja o guardião já precisaria estar sustentado o dependente financeiramente e emocionalmente, antes de aplicar para o visto de família.

Dica: O documento mais importante é a autorização dos pais e os comprovantes de dependência

Tutela

O que é: Tutela pode ser adquirida quando os pais não podem, ou não querem mais ser responsáveis pela criação da criança/adolescente. Aqui o tutelar não possui direito como pai da criança. Ou seja, como tutelar as chances de você conseguir trazer a criança como seu dependente são muito baixas.

Requerimentos: Autorização judicial, certificado tutelar, comprovante de dependência emocional e financeira.

Dica: é mais fácil se o tutelar abrir um processo para ser o guardião ou pais adotivos.

E para primos, sobrinhos, pais, avós, irmãos ?

É possível trazer qualquer familiar para o Reino Unido, desde que seja comprovado que o familiar depende da pessoa que está residindo em UK. Essa dependência precisa ser comprovada de que o dependente precisa do provedor enquanto reside no Brasil.

 

A LondonHelp4U é uma agência de imigração com 15 anos de experiência em processos de vistos para o Reino Unido. Nossa missão é proporcionar, cada dia mais,  acesso ao Reino Unido para imigrantes brasileiros.

Quer falar com a gente? Nos contate por telefone +55 11 3283 0906 (Brasil) ou +44 0207 636 8500 (Reino Unido) ou por e-mail info@londonhelp4u.co.uk

Tire suas dúvidas, marque uma consulta, torne processos burocráticos fáceis e rápidos com a ajuda da #LH4U.

Para mais dicas e informações sobre imigração e a Inglaterra, acompanhe nossas redes sociais.

 

 

Governo britânico modifica regras de imigração

No dia 11 de Março de 2016, o Home Office britânico declarou alterações às regras de imigração, no qual serão efetivados a partir de 06 de abril de 2016.

A LondonHelp4U fez  um resumo das principais alterações:

Visto para Turista

Turistas podem estudar na Inglaterra por um período máximo de 30 dias. 

Visto de Estudante

Tier 4 (General) estudantes em escolas independentes agora podem prolongar a sua estadia dentro do Reino Unido.

Trabalhadores domésticos no exterior

trabalhadores domésticos no exterior agora terão permissão para trocar de emprego como empregada doméstica durante os 6 primeiros meses.

O período de licença concedida a um trabalhador doméstico no exterior, que é vítima de escravatura ou tráfico de seres humanos, foi aumentada de 6 meses para 2 anos.

Dívidas com o NHS 

O limite da dívida com o NHS está sendo reduzida de £ 1000 para £ 500.

As aplicações podem, agora, ser recusadas automaticamente se o aplicante tiver dívidas com o NHS ou com o Home Office

Procure a LondonHelp4U por telefone +55 11 3283 0906 (Brasil) ou +44 0207 636 8500 (Reino Unido)

e-mail info@londonhelp4u.co.uk

Tire suas dúvidas, marque uma consulta, torne processos burocráticos fáceis e rápidos com a ajuda da #LH4U.

Para mais dicas e informações sobre imigração e a Inglaterra, acompanhe nossas redes sociais.