Category: Turism

Brasileiros precisarão de cadastro para poder entrar na Europa

Um projeto do Parlamento Europeu que pode entrar em vigor em breve, indica que brasileiros que desejarem visitar a Europa, deverão realizar um cadastro para terem acesso aos países que compõe o Espaço de Schengen.

A informação foi dada nessa última quarta-feira,  14 de setembro, pelo presidente da Comissão Europeia, Jean-Claude Juncker. A proposta visa que o bloco comece a registrar os turistas que entrarem em suas fronteiras, incluindo os brasileiros.

O objetivo da nova medida é o combate ao terrorismo, após os ataques de Paris, Bruxelas e Nice. E também por conta da grave crise migratória por que passa a Europa, a pior desde o fim da Segunda Guerra Mundial.

“Quando uma pessoa entrar na UE, ela será registrada, assim como lugar, data e motivo da viagem. Esse novo sistema automatizado nos dirá quem está autorizado a transitar pela UE antes que ela chegue na UE”, disse Juncker, durante uma sessão plenária do Parlamento Europeu em Estrasburgo, na França.

Os turistas deverão preencher um questionário online com todas as informações referentes a viagem e enviá-lo em até 72 horas antes de embarcar. O modelo é similar ao adotado pelos Estados Unidos.

Batizado de Sistema Europeu de Informação e Autorização de Viagem (Etias, na sigla em inglês), o projeto valerá para todos os cidadãos extracomunitários que não precisam de visto para entrar no Espaço Schengen – área de livre circulação de pessoas dentro do bloco – incluindo brasileiros.

Se for verificado que o viajante colocará a segurança do bloco em risco, o mesmo pode ter a sua entrada impedida.

Até o momento, não foi mencionada nenhuma taxa a respeito do cadastro online, mas especula-se
que a União Europeia passará a cobrar 50 euros (R$ 186) para cada extracomunitário que entrar em suas fronteiras.

Como se adaptar na Inglaterra como um Brasileiro

Morar na Inglaterra tornou-se algo popular para os Brasileiros. De fato, estima-se que 2.3m brasileiros vivem atualmente em UK. O que não é tão surpreendente – brasileiros e britânicos adoram esporte, em particular football e adoram a chuva (essa última pode ser uma mentira).

Então juntamos 5 coisas que surpreendem os brasileiros que vêem para a Inglaterra pela primeira vez.

  1. Topless no parque

    É só ter um raio de sol que os britânicos já lotam os parques, é muito comum observar pessoas de bikini (e muitas vezes sem bikini); Os brasileiros também gosta de “torrar no sol”, porém, na praia. Apesar de ser incomum, não vai levar muito tempo para você também se acostumar: e ir correndo pro parque assim que chegar o verão.
  2. Usando o transporte público ? Silêncio, por favor.
    Apesar da superlotação durante “rush hours”, os londrinos não possuem o hábito de conversar durante a viagem. E se você é do tipo que adora falar no telefone/com seus amigos no metrô, não fique surpreso se ouvir um “shhhhhhhhh”.Aparentemente, eles gostam de manter o silêncio. A não ser para dizer “desculpa”. Eles falam “sorry” para tudo ! contato visual melhor evitar …
  3. Cerveja “quente” e “on tap/draft”(mais conhecido no Brasil como Chope)
    O clima da Inglaterra é frio. Talvez, para compensar isso, a cerveja não é fria. Britânicos amam uma “ale”(tipo de cerveja)- tradicionalmente servido abaixo da temperatura ambiente (temperatura da adega, na verdade).Basicamente, é quente. Mas não tem problema, durante o inverno é só ficar 5 minutos fora do pub que a cerveja fica geladinha.
  4. Abrir uma conta bancária
    Abrir uma conta bancária pode ser uma verdadeira missão. Principalmente para quem acabou de chegar na terra da rainha. Primeiro você precisa de um comprovante de residência, no qual precisa ter seu nome. Isso significa que: para quem alugou quarto em uma casa, e as contas estão inclusas, pode se tornar bem complicado conseguir o comprovante.Porém para conseguir alugar uma casa/quarto com contrato, você precisará de uma conta bancária na Inglaterra.
  5. Máquina de lavar roupa, na cozinha!
    Fonte www.kitchensourcebook.co.uk
    Não há muito o que dizer aqui. É simplesmente estranho.(Embora se você parar para pensar, pode se tornar bem prático, se você quiser lavar suas roupas enquanto você cozinha o jantar).

    A LondonHelp4U é uma agência de imigração com 15 anos de experiência em processos de vistos para o Reino Unido. Nossa missão é proporcionar, cada dia mais,  acesso ao Reino Unido para imigrantes brasileiros.

    Quer falar com a gente? Nos contate por telefone +55 11 3283 0906 (Brasil) ou +44 0207 636 8500 (Reino Unido) ou por e-mail info@londonhelp4u.co.uk

    Tire suas dúvidas, marque uma consulta, torne processos burocráticos fáceis e rápidos com a ajuda da #LH4U.

    Para mais dicas e informações sobre imigração e a Inglaterra, acompanhe nossas redes sociais.

5 museus em Londres com entrada gratuita

Paraíso para os amantes das artes sem grana no bolso, Londres tem importantes museus com entrada franca permanentemente. Abaixo confira os museus que você não precisa pagar para aproveitar.

BRITISH MUSEUM

No British Museum, relíquias arqueológicas como a Pedra da Roseta, peça-chave para a compreensão dos hieróglifos egípcios, e os frisos do Partenon, devidamente afanados de Atenas, dividem espaço com um moderno pátio coberto projetado pelo escritório do arquiteto Norman Foster.


NATIONAL GALLERY

Na Trafalgar Square, o museu londrino é uma das referências da Europa e expõe obras relevantes dos séculos 13 ao 20, com trabalhos de quase todos os renascentistas, impressionistas e modernistas mais importantes.


V&A

V&A

Este museu abriga uma das maiores coleções do mundo de artes decorativas, em campos tão variados como a cerâmica, esculturas, miniaturas retrato e fotografia. Entre os destaques estão as Galerias britânicas de 1500-1900, que são dispostos em ordem cronológica para traçar a história do design britânica desde o reinado de Henry VIII até o da rainha Victoria.


Museum of London

A história de Londres, desde os tempos pré-históricos até o presente é contada no Museu de Londres através de reconstrução de objetos e interiores (como tijolos, materiais etc) e cenas de rua, além de exposições de artefatos originais encontrados durante escavações arqueológicas. Verifique o website antes de sua visita para verificar exposições temporárias, palestras, passeios e eventos infantis.


Science Museum

O Museu da Ciência tem sete andares de exposições de entretenimento e educacional, incluindo o módulo de comando da Apollo 10 e um simulador de vôo. A Wellcome Asa mostra a evolução da ciência contemporânea, medicina e tecnologia. O museu também contém uma coleção substancial de tesouros da história médica.

Existem mais de 20 museus totalmente gratuitos em Londres. Quer saber de todos ? Visite o Time Out :).

A LondonHelp4U é uma agência de imigração com 15 anos de experiência em processos de vistos para o Reino Unido. Nossa missão é proporcionar, cada dia mais,  acesso ao Reino Unido para imigrantes brasileiros.

Quer falar com a gente? Nos contate por telefone +55 11 3283 0906 (Brasil) ou +44 0207 636 8500 (Reino Unido) ou por e-mail info@londonhelp4u.co.uk

Tire suas dúvidas, marque uma consulta, torne processos burocráticos fáceis e rápidos com a ajuda da #LH4U.

Para mais dicas e informações sobre imigração e a Inglaterra, acompanhe nossas redes sociais.

As 5 praias mais bonitas da Inglaterra

1. Barafundle Bay beach

(Imagem:Wikipedia)

Você tem que caminhar ao longo de uma trilha perto de Stackpole Quay e atravessar um arco de pedra para encontrá-la, mas quando o fizer, você vai se surpreender com a beleza desta praia.

Como Chegar:

De carro
A partir de Pembroke, pegue a B4319 sul e siga as placas para a aldeia Stackpole e Pembrokeshire Coast. Para chegar a Stack Rocks, permaneça na B4319 sentido Castlemartin.

De trem
Estação de Pembroke

De ônibus
O ônibus Coastal Cruiser corre entre Pembroke, Stackpole e Broad Haven.

De Londres
Vá de Paddington para Lamphey, a viagem dura cinco horas e 30 minutos.

2. Bamburgh beach

(Imagem: Wikipédia)

Uma boa praia precisa de algum elemento dramático, e não existe praia mais dramática do que a Castelo de Bamburgh acima da costa de Northumberland. É uma praia mais deserta, elegante e com uma paisagem maravilhosa.

Como Chegar:
De carro
Vá em direção a B1342 leste. Parte da Rede Nacional de Pedalada ronda através da costa de Northumbrian passando por Bamburgh.

De trem
As estações mais perto são as Berwick-upon-Tweed e Alnmouth. A partir daqui mudar para a linha local Chathill. Dez minutos de Táxi de Chathill para Bamburgh.

De ônibus
Limitados serviços locais de ônibus. Há conexões de ônibus para Berwick-upon-Tweed e Newcastle-upon-Tyne (0871 200 2233, www.traveline.org.uk).

De Londres
De King’s Cross para Chathill, duração de quatro horas (www.thetrainline.com).

3. Camber Sands beach

(Imagem:Wikipédia)

Escondida atrás de uma montanha de dunas, Camber Sands em East Sussex é uma praia de areia macia e ventos fracos que se estende por sete milhas e possui uma largura de 1km durante a maré baixa. Uma boa praia para surf, cavalgar, empinar pipa, ou para famílias com crianças pequenas.

Como Chegar:

De carro
A partir de Ashford (M20) pegue a A2070 para Brenzett. Siga para a A259 New Romney / Hythe. Vire à esquerda em B2075 Lydd, a partir de Lydd siga as indicações para Camber.
De trem
A estação mais próxima é Rye. Dez minutos de taxi para Camber.
De ônibus
Serviço regular de Rye para Camber / Lydd (08702 433 711, www.stagecoachbus.com).

 4. Cley-next-the-Sea beach

(Imagem: Wikipédia)

Na costa norte de Norfolk, alguns km ao leste de Holkham, estão Blakeney e Cley-next-the-Sea, 5km de distância pela areia. Aventure-se nesta praia, conhecida pela ótima culinária e vista.

Como chegar:

De Liverpool St para Sheringham, são 3 horas e 15 minutos. 15 minutos de Táxi de Sheringham para Cley-next-the-Sea.

5. Littlehampton beach

(Imagem: Elleuk)

Com não um, mas dois fabulosos cafés na beira da praia projetados pelos principais arquitetos britânicos – o West Beach Café por Asif Khan e o escultural East Beach Café por Thomas Heatherwick – Littlehampton está rapidamente se tornando um paraíso para muitos turistas. Aproveite para saborear o excelente peixe com batatas fritas (fish and chips) e você pode desfrutar de uma das praias mais tranquilas da costa sul.

Como Chegar:

De Victoria para Littlehampton tem uma duração de 1 hora e 40 minutos (www.southern railway.com)

A LondonHelp4U é uma agência de imigração com 15 anos de experiência em processos de vistos para o Reino Unido. Nossa missão é proporcionar, cada dia mais,  acesso ao Reino Unido para imigrantes brasileiros.

Quer falar com a gente? Nos contate por telefone +55 11 3283 0906 (Brasil) ou +44 0207 636 8500 (Reino Unido) ou por e-mail info@londonhelp4u.co.uk

Tire suas dúvidas, marque uma consulta, torne processos burocráticos fáceis e rápidos com a ajuda da #LH4U.

Para mais dicas e informações sobre imigração e a Inglaterra, acompanhe nossasredes sociais.

Morando fora do Brasil: os melhores países para viver e trabalhar

Existem muitos brasileiros que querem, independente dos motivos (social, financeiro, pessoal), ser expatriado do Brasil. Ou, um pouco menos dramático, muita gente quer apenas conhecer novos lugares e vivenciar culturas diferentes, procurar novos ares, outros mares.

Para começar uma nova vida em outro país, o mais importante é perceber o que outras nações podem oferecer de bom. Se a sua ideia é fazer as malas e partir de vez, comece pensando ao londo prazo. O HSBC fez, em 2013, uma pesquisa com 7.000 expatriados (pessoas que moram e trabalham fora de seus países de origem) para classificar os melhores destinos para uma nova pátria de acordo com três critérios: economia, experiência e lugar para criar os filhos.

Fizemos um resumo sobre Inglaterra, Irlanda, Itália, Espanha e Holanda.

  1. Inglaterra

Um dos países mais ricos, tanto culturalmente quanto economicamente, morar no Reino Unido é garantia de qualidade de vida. Apesar do alto custo de vida na Inglaterra, em especial Londres, o país está entre os 15 melhores países para morar. O Brasil está em 45º lugar no ranking de qualidade de vida por país.

2.Irlanda

Irlanda é um dos países de fácil acesso, pois, diferente de Londres, o custo de vida é mais barato. O país é conhecido por brasileiros que querem ter experiências culturais e linguísticas e procuram aprender ou aprimorar o inglês. Existem diversas comunidades brasileiras em Dublin, pra quando bater aquela saudades do abraço brasileiro.

3.Itália

A Itália é a mistura do jeitinho brasileiro com um toque europeu. Itália é conhecida por sua rica cultura e grande aceitação de imigrantes em suas cidades.
Pode demorar um pouco para se acostumar com a burocracia italiana (que não é tão diferente da burocracia brasileira) e a falta de pontualidade dos italianos. O clima ensolarado e a cozinha mediterrânica é o apelo final para muitos brasileiros.

4. Espanha

Com seus céus azuis brilhantes e longas praia com areia, a Espanha ainda é um destino popular entre os que procuram ser expatriados, apesar de ter sofrido um severo declínio econômico. Vale lembrar que, apesar da economia estar melhorando em 2016, as taxas de desemprego continuam altas.

5. Holanda

Holanda é uma cultura progressista com o charme do velho mundo
Com suas cidades mundialmente famosas, forte e estável economia, a Holanda tem sido um destino popular para expatriados durante séculos.
A paisagem holandesa mais icônica são os moinhos de vento e campos coloridos de tulipas. Mas fique atento, maconha e prostituição são “legais” no país, o pode ser um choque no começo, e não recomendamos para famílias mais conservadoras. Entretanto a Holanda possui maior qualidade de vida que Londres, estando em 12º no ranking de melhores países do mundo.

A LondonHelp4U é uma agência de imigração com 15 anos de experiência em processos de vistos para o Reino Unido. Nossa missão é proporcionar, cada dia mais,  acesso ao Reino Unido para imigrantes brasileiros.